Suspeito mais procurado da Bolívia acusado de matar casal foge e se esconde no Brasil – Comando VP
Início » Mundo » Suspeito mais procurado da Bolívia acusado de matar casal foge e se esconde no Brasil

Suspeito mais procurado da Bolívia acusado de matar casal foge e se esconde no Brasil

Eliot Leon Fernandes, pedreiro desempregado e suspeito de ser autor de um duplo assassinato de um casal de namorados na Bolívia, fugiu para o Brasil na semana passada e está escondido em São Paulo.

O crime brutal abalou a opinião pública daquele país e chegou a provocar declarações do presidente boliviano, Evo Morales, que pediu um esforço da polícia paulista na caça ao suspeito.

O casal de jovens Carla Bellot (20) e Jesús Cañisaire (21) festejavam a virada de Ano Novo na discoteca “Planta Baja”, em La Paz, capital da Bolívia. Ali conheceram os irmãos Israel e Eliot Leon Fernandez, que convidaram os namorados a continuar festejando na casa de Israel. Foi a última vez que os jovens foram vistos.

Passados 19 dias, os corpos de Carla e Jesus foram encontrados pela polícia dentro de sacos de farinha no interior de um túnel no rio Orkojahuira. Ambos apresentavam marcas pelo corpo, e Carla foi alvo de violência sexual.

A polícia boliviana esclareceu o crime e chegou ao suposto autor ao encontrar os celulares da vítimas e investigações forenses, que apontaram que antes da morte o casal viveu um longo período de tortura e horrores.

Segundo a polícia técnica, Jesus teria morrido no dia 4 de janeiro e Carla no dia 11, ou seja, provavelmente agonizaram vários dias no túnel até morrer.

Mas as surpresas dos investigadores não pararam por aí. A polícia descobriu que, além dos irmãos Israel e Eliot, autores dos assassinatos, Mikaela León y Renzo Cáceres, irmã e cunhado dos autores, respectivamente, estavam no local quando aconteceram os abusos e os assassinatos e relataram detalhes dos crimes.

Ambos ajudaram também a retirar e ocultar os corpos das vítimas, que acreditavam estar mortos. Mikaela, Renzo e Israel foram presos e enviados às penitenciárias de Chonchocoro e Miraflores, ambas em La Paz.

Fuga para o Brasil

O segundo suspeito, Eliot Leon Fernandez, fugiu ao Brasil atravessando a fronteira de Puerto Suarez no dia 8 de janeiro.

Ele estava em companhia da mulher, Priscila Chuquimia, que aparentemente nada sabia do crime, e a filha de um ano e dez meses.

Priscila, que está gravida de 7 meses, contou com exclusividade ao R7 que, na noite de Ano Novo, ela foi dormir e, no dia seguinte, ao acordar, o marido não estava em casa.

Na manhã do dia 5 de janeiro, Eliot avisou que viajariam ao Brasil porque tinha conseguido um trabalho. Viajaram até a fronteira com o Brasil, em Corumbá (MS), onde permaneceram dois dias por conta de uma greve. No dia 8, atravessaram a fronteira.

O casal, acompanhado da filha, chegou ao terminal rodoviário da Barra Funda na última quinta feira (18) e, assim que desembarcaram, Eliot abandonou a mulher e a filha.

Com a ajuda de outros bolivianos, Priscila conseguiu entrar em contato com familiares que moram no Brasil, que a socorreram. Até esse momento, ela desconhecia os crimes que o marido tinha cometido.

Mas o crime foi amplamente noticiado pela imprensa boliviana e repercutido nas redes sociais, onde foi publicada a foto de Eliot e Priscila, além das fotos das vítimas.

Ao saber do crime, Priscila pediu ajuda ao consulado da Bolívia em São Paulo, que conseguiu enviá-la de volta a La Paz na tarde desta terça-feira (22) — assista ao vídeo abaixo.

Fontes ligadas ao caso informaram que a polícia boliviana iniciou trâmites para pedir a colaboração das autoridades brasileiras para conseguir a captura e extradição de Eliot.

O presidente Evo Morales chegou a se pronunciar por meio da sua conta no Twitter: “Muito consternado pela confirmação e circunstâncias em que foram encontrados os corpos de Carla Bellot e Jesús Cañisaire. Toda nossa solidariedade a seus familiares. Que se investigue, se apreenda e sancione drasticamente os autores de este crime com todo o peso da lei”.

Fonte: r7

Compartilhar

Seu comentário é de sua inteira responsabilidade. Não reflete nossa opinião.

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.





Curta nossa Fan Page
Visite nosso site!
Visite nosso site!
Casa de Carne Milaré
STUDIOK