Calêndula – Comando VP
Início » Colunistas » Calêndula

Calêndula

Pertencente à mesma família das margaridas – Asteraceae – a calêndula (Calendula officinalis) é originária da Europa meridional e se relaciona intimamente com o sol. Curiosamente, essa flor abre suas pétalas assim que o sol nasce e as fecha na hora em que ele se vai. Aliás, seu nome é derivado de uma palavra latina – calendae – que significa “primeiro dia de cada mês”, de onde se derivou também a palavra calendário (que, sabe-se, é baseado no ciclo solar).

No Brasil, a calêndula adaptou-se facilmente, especialmente nas regiões Sul e Sudeste. Hoje, ela é cultivada tanto para fins ornamentais como para a fabricação de medicamentos e cosméticos. A flor, de coloração amarelo-alaranjada, caracteriza-se pelo inegável perfume e as folhas são macias e aveludadas. Planta anual, a calêndula pode atingir até 50 cm de altura e apresenta caules ramificados em duas hastes. As folhas inferiores são espatuladas e as caulinares são lanceoladas e alternadas.

Atualmente, as flores cultivadas sem agrotóxicos ou aditivos químicos são comercializadas para consumo em saladas ou acompanhando outros pratos.

Uso medicinal
Muito utilizada na industria farmacêutica.

Conta-se que na guerra civil americana, os médicos que atuavam nos campos de batalha utilizavam as flores e as folhas da calêndula para tratar os ferimentos dos soldados. Anos mais tarde, a ciência comprovou os efeitos que aqueles médicos conheceram na prática. No Brasil o seu uso fitoterápico é aprovado pelo Ministério da Saúde.

A partir da calêndula, a medicina homeopática produz remédios que são usados oralmente, inclusive em períodos pós-operatórios, justamente pelos poderes já citados. Na medicina popular, a planta é muito utilizada para tratar problemas uterinos e cólicas menstruais, estimular a atividade hepática e atenuar espasmos gástricos. É claro que devem ser evitados exageros ou abusos na aplicação de plantas em tratamentos. No caso da calêndula, é importante esclarecer que, em excesso, a planta pode provocar depressão, nervosismo, falta de apetite, náuseas e até vômitos.

Uso cosmético
É na fabricação de cosméticos que a calêndula faz o seu reinado: os diversos princípios ativos da planta são responsáveis pelos eficientes efeitos no tratamento de pele e cabelos. A calendulina, por exemplo, um pigmento que dá a cor alaranjada às pétalas, presente em boas doses nas flores, juntamente com a resina e a mucilagem, são responsáveis pelos poderes regeneradores e cicatrizantes. Outros princípios engordam a lista de propriedades da calêndula, amplamente usada na fabricação de shampoos, loções, sabonetes e cremes. Aliás, ela é uma das bases mais utilizadas na fabricação de produtos indicados para cabelos oleosos e peles com cravos e espinhas.

Os medicamentos usados por via oral e as pomadas devem ser adquiridos em farmácias especializadas.

Cultivo
Para cultivar calêndulas, você vai precisar de um elemento básico: luz do sol. A planta precisa de no mínimo 4 horas diárias de sol direto. A mistura de solo indicada para o plantio deve ser rica em matéria orgânica: 1 parte de terra comum de jardim, 1 parte de terra vegetal e 2 partes de composto orgânico. O ideal é adquirir as mudas já prontas, pois no plantio por meio de sementes o resultado é mais demorado. Lembre-se de regar a planta sempre que a terra apresentar-se seca – como a calêndula gosta de solo sempre úmido, é recomendável regar dia sim dia não e, nos meses mais quentes, todos os dias.

Modo de uso da calêndula
A calêndula é uma ótima forma combater a pele ressecada e hemorroida. Essa planta medicinal pode ser utilizada nas saladas, em forma de chá e como remédio.

Infusão: 2 colheres de sopa das flores da calêndula em 1 xícara de chá de água fervente e deixar descansar por 5 minutos. Tomar 1/2 xícara de manhã e meia xícara à noite.
Cataplasma: Socar folhas e flores da calêndula num pano limpo (gaze) e pôr em cima da ferida, ou acne e deixar atuar durante 30 minutos.
Para que serve o óleo de calêndula
O óleo de calêndula é extraído diretamente da flores da Calendula officinalis e é frequentemente usado como um tratamento complementar ou alternativo. O óleo de calêndula é feito pela infusão de flores de calêndula em um óleo transportador. Este óleo pode ser usado sozinho ou para fazer pomada e creme. Mas a Calendula officinalis também apresenta benefícios na forma de tintura, chá e cápsulas.

O óleo de calêndula possui propriedades antifúngicas, anti-inflamatórias e antibacterianas que podem torná-lo útil na cicatrização de feridas, alívio de eczema e assaduras causados pelo uso de fraldas. Ele também pode ser usado como antisséptico. Além disso, ele pode melhorar a aparência da pele.

Feridas
O óleo de calêndula pode acelerar a cicatrização de feridas. Uma pesquisa concluiu que o uso de pomada de aloe-vera ou calêndula, junto com o tratamento padrão, acelerou o tempo de recuperação da episiotomia.

No estudo, mulheres que usaram a pomada a cada oito horas durante cinco dias apresentaram melhora nos sintomas de vermelhidão, inchaço e hematomas. Adicionar pomada de aloe-vera ou calêndula ao tratamento padrão melhora a sua eficácia.

Acne
Algumas pessoas usam óleo de calêndula para tratar a acne. Um estudo feito em placas de petri mostrou que o extrato de calêndula pode ser útil no tratamento e prevenção da acne superficial. Você também pode tentar lavar o rosto usando óleo de calêndula.

Eczema
Um estudo descobriu que o óleo de calêndula pode ajudar a aliviar a dor da dermatite em pessoas que recebem radiação para o câncer de mama.

Assaduras
O óleo de calêndula também pode ajudar a aliviar assaduras causadas pela utilização de fraldas. Um estudo concluiu que a pomada de calêndula feita a partir do óleo da planta foi significativamente benéfica no tratamento de assaduras.

Para aliviar assaduras, outra opção é tentar aplicar uma pequena quantidade de óleo de calêndula puro ou misturado com aloe-vera na área afetada algumas vezes por dia.

Psoríase
As propriedades curativas de feridas do óleo de calêndula podem torná-lo uma boa escolha no tratamento da psoríase, mas ainda não há nenhuma pesquisa sobre isso. Você pode tentar aplicar óleo de calêndula ou bálsamo na área afetada algumas vezes por dia.

Aparência da pele
O óleo de calêndula pode melhorar a aparência geral da pele. Um estudo concluiu que um creme contendo extrato de calêndula pode promover a hidratação e firmeza da pele.

Também é especulado que a calêndula pode ajudar a tratar a dermatite de contato, o que inclui reações à hera venenosa.

Atenção
A Calendula officinalis é considerada uma planta segura, entretanto é preciso evitar a calêndula se você é alérgico a plantas da família Asteraceae Compositae. Não use calêndula se estiver gestante ou amamentando.

Evite tomar calêndula por via oral, pelo menos, duas semanas antes de qualquer cirurgia programada, pois pode causar sonolência. Não tome por via oral em combinação com qualquer tipo de droga sedativa.
Flávia Guerreiro Ruiz CRF 45105

 

 

Compartilhar

Seu comentário é de sua inteira responsabilidade. Não reflete nossa opinião.

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.





PGlmcmFtZSBzcmM9Imh0dHBzOi8vZDZvanc5c3Q4OW8zby5jbG91ZGZyb250Lm5ldC9CUkdhbGxlcnkvaW5kZXgucGhwL3BsYXllci92aWV3L2VsZWdhbnRlMTsxNzc7NTk7WkRNMmJuSXdkVE40YldNMGJXMHVZMnh2ZFdSbWNtOXVkQzV1WlhRdmFXNWtaWGd1Y0dod0wyRndhUzl6ZEhKbFlXMXBibWN2YzNSaGRIVnpMemd5T0RBdk16Y3lNV1pqT0dGak5UQTROamhtWVRBNU9UbGlNalEzTUdVeFpEaGpZelF2YzJWeWRtbGtiM0l6Tmk1aWNteHZaMmxqTG1OdmJRPT07ZmFsc2UiIGJvcmRlcj0iMCIgc2Nyb2xsaW5nPSJubyIgZnJhbWVib3JkZXI9IjAiIGFsbG93VHJhbnNwYXJlbmN5PSJ0cnVlIiBzdHlsZT0iYmFja2dyb3VuZC1jb2xvcjogbm9uZTsiIHdpZHRoPSIxNzciIGhlaWdodD0iNTkiPjwvaWZyYW1lPg==
ARE YOU READY? GET IT NOW!
Increase more than 500% of Email Subscribers!
Your Information will never be shared with any third party.
Curta nossa Fan Page
Visite nosso site!
Visite nosso site!
Casa de Carne Milaré
STUDIOK
DEMILLUS
Jantar Dia das Mães
Imobiliária Cardinali 
 - Informe publicitário
Fechar
Classificadão São Carlos
Classificadao grátis