São Carlos ganha o 20º aeroporto internacional do Brasil – Comando VP
Início » Destaque » São Carlos ganha o 20º aeroporto internacional do Brasil

São Carlos ganha o 20º aeroporto internacional do Brasil

O anúncio da internacionalização do Aeroporto Mário Pereira Lopes, em São Carlos (SP), foi feito pelo prefeito Airton Garcia durante coletiva de imprensa nesta quarta-feira (6), no Paço Municipal, acompanhado de Alexandre Peronti, diretor do Centro de Manutenção LATAM; Luiz Carlos Rombola, representando o superintendente do DAESP, Fábio Calloni, do vereador Marquinho Amaral, representando a presidência da Câmara Municipal e o deputado federal Lobbe Neto, do vereador Paraná Filho, DE Waldemar Zanette, procurador do município e do vice-prefeito e secretário municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Giuliano Cardinali.

A internacionalização possibilitará que os pousos de aeronaves com procedência internacional sejam realizados diretamente no Aeroporto de São Carlos, sem a necessidade de pousar e decolar em outro aeroporto internacional para depois fazer o traslado para São Carlos. Com a decisão, há permissão para aeronaves do exterior realizarem manutenção e reparos em São Carlos antes e depois de voos.

A portaria n.º 3998, de 1º de dezembro de 2017, que designou como internacional o Aeroporto de São Carlos, por tempo indeterminado, foi publicada no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (6), pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil/Agência Nacional de Aviação Civil por meio da Superintendência de Infraestrutura Aeroportuária.

“O processo de internacionalização do aeroporto de São Carlos começou em 2009, passou outras duas administrações, e este ano obteve manifestação favorável do Ministério da Agricultura, por meio do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (VIGIAGRO), Receita Federal e da Polícia Federal, além da Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero). Em março desse ano o superintendente do DAESP, Fábio Calloni, esteve em São Carlos para verificar a estrutura da área de saúde da cidade para atender a possíveis ocorrências com a internacionalização do aeroporto, pois dentre as exigências da ANAC, a questão da saúde era uma delas. Durante esses anos todos fomos cumprindo o protocolo de exigências e hoje recebemos o desfecho favorável, explicou Waldemar Zanette, procurador do município que trabalhou no processo pelo município.

Alexandre Peronti, diretor do Centro de Manutenção LATAM em São Carlos, ressaltou que a empresa deve absorver mais 14% do total de aeronaves que hoje fazem manutenção em centros de outros países. “A LATAM possui 306 aeronaves, sendo que 50% faz a manutenção aqui em São Carlos, 30% no centro do Chile e 20% em centros de outros países. Com a internacionalização vamos aumentar a nossa competitividade e a previsão é que aumente em 14% o recebimento de aviões do exterior e com isso entre mais R$ 63 milhões por ano no país”.

Quanto aos investimentos, o diretor do Centro de Manutenção da LATAM, garantiu que somente para a recuperação do prédio para acomodar os órgãos públicos já foram investidos mais de R$ 1 milhão. “Estamos com toda a logística disponível. Em fevereiro de 2018 já iremos receber a primeira aeronave de outro país e para isso basta agendarmos com os órgãos envolvidos, ou seja, VIGIAGRO, Anvisa, Receita Federal e Polícia Federal”.

Peronti disse, também, que a empresa irá fazer novas contratações.  Vamos aumentar o quadro de mão de obra direta, porém ainda estamos trabalhando para chegar aos números finais”.

Para o vereador Marquinho Amaral a conquista foi um trabalho de união política. “Esse é um exemplo que quando os políticos da cidade se unem em torno de uma mesma causa, a vitória é certa. “Eu e o deputado Lobbe Neto, por exemplo, estávamos trabalhando nessa causa há mais de 10 anos. Lobbe trabalhou desde a desapropriação do aeroporto, quando ainda era deputado estadual. Nós estávamos na Câmara e sempre participamos passo a passo do processo”, concluiu o vereador que também parabenizou o prefeito Airton Garcia e os ex-prefeitos pela conquista.

De acordo com vice-prefeito é uma vitória importantíssima para o município. “Não somente os empregos serão mantidos como também serão abertas novas vagas. Se o processo não fosse aprovado, a empresa poderia mandar as aeronaves para manutenção em um outro centro fora do país, diminuindo as atividades em São Carlos, o que poderia ocasionar demissões. Esse é um primeiro passo para outras conquistas”, avaliou Giuliano Cardinali.

O prefeito Airton Garcia comemorou a conquista e agradeceu todos que trabalharam para essa vitória. “Vamos ser o 20º aeroporto do Brasil. Sorocaba, Ribeirão Preto e Araraquara também pleiteiam internacionalizar os seus aeroportos, mas vencemos. É uma conquista importante para a região toda, pois agora vencida essa primeira etapa vamos iniciar outro processo. Neste primeiro momento, a internacionalização do Aeroporto Estadual Mário Pereira Lopes será exclusivamente para translado de aeronaves para manutenção, por isso a partir de agora vamos trabalhar para tornar o nosso aeroporto de transporte de carga aérea, um terminal de cargas”, finalizou o prefeito agradecendo os seus antecessores”.

Antes da internacionalização as aeronaves de outros países precisavam pousar em um aeroporto internacional, aguardar dois dias pelo processo de importação, para depois vir para o Centro de Manutenção de São Carlos. No retorno também era necessário outros dois dias com os trâmites de exportação, a partir de agora será necessário somente 24h para entrada e saída de São Carlos.

Compartilhar

Seu comentário é de sua inteira responsabilidade. Não reflete nossa opinião.

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.





Curta nossa Fan Page
Visite nosso site!
Visite nosso site!
Casa de Carne Milaré
STUDIOK
DEMILLUS
Jantar Dia das Mães
Classificadão São Carlos